sexta-feira, 12 de setembro de 2014

A curva

Longo é o caminho,
todos os dias a repetir
mas é naquela curva que te começo a sentir.

O horizonte tão esparso,
O que é isto?
Como o disfarço?

No Oceano e sua imensidão,
Nas nuvens e sua ligeireza,
Há na terra um turbilhão,
O que é não tenho certeza.

Parece feito de saudade.
Parece feito de tristeza.

1 comentário:

This haunted home disse...

Parece feito de lembranças que o tempo teima em dizer que são de hoje.